Produto de beleza

Aromaterapia

O olfato é um dos sentidos mais antigos da humanidade, mas foi o último a ser compreendido pelos cientistas. Foi só no início dos anos 90 que os biólogos descreveram pela primeira vez o funcionamento dos receptores olfativos – os sensores  presentes em nossos narizes – uma descoberta que rendeu um Prêmio Nobel. A Aromatologia é a ciência que  estuda  os efeitos de estímulos olfativos na saúde.  Este  sentido humano é mais diretamente conectado com o emocional, através do sistema límbico, que fica no cérebro, imediatamente atrás das fossas nasais. Mas recentemente  confirmou se que  o corpo está repleto de receptores olfativos. Como o nome leva a crer, sua função é sentir cheiros. Eles são abundantes nas células do seu nariz – são 350 tipos naquela região. Mas há ainda outras 150 variedades distribuídas por tecidos internos do corpo,  como coração, fígado nos rins e até mesmo no esperma – onde eles possuem uma função fundamental em uma série de funções fisiológicas.  São  abundante na pele,  mais de 15 receptores olfativos encontrados no nariz também estão presentes nas células da pele humana,
 Os Óleos Essenciais são extratos puros das plantas aromáticas extraídos de flores como a lavanda, o gerânio e a rosa, de raízes como o gengibre, de folhas como o capim limão e o alecrim ou de cascas como a canela e o limão estes  possuem moléculas com princípios ativos  que promovem um estímulo sensorial no organismo e se mostram bastante eficaz no tratamento de doenças físicas e emocionais. Dentre alguns  benefícios da aromaterapia temos: aliviar os sintomas de ansiedade, insônia, dor, depressão, resfriado, promover o bem-estar e fortalecer as defesas do corpo.
A Aromaterapia cresce como técnica terapêutica de sucesso em todo o mundo, tanto pelas opções crescentes de bons fabricantes e fornecedores dos óleos essenciais, como pelos sérios estudos científicos que comprovam e expandem suas opções de uso medicinal e terapêutico.